Benefícios do azeite para a saúde

Como você provavelmente já sabe, os benefícios do azeite para a saúde são enormes e normalmente associados a uma dieta saudável e tipicamente mediterrânica. Vamos conhecer alguns destes benefícios saudáveis.


É de todos os conhecidos que o óleo de oliva é muito bom para o sistema cardiovascular, mas vou analisar um pouco mais em profundidade a sua acção sobre o nosso organismo.


1. Um dos melhores benefícios do Azeite de oliva são os seus ácidos gordos


Existem 2 tipos de ácidos graxos:



  • Ácidos Gordos saturados: são as gorduras de origem animal (carnes, lácteos..) óleo de coco e óleo de palma.

  • Ácidos Graxos insaturados: estão em óleos vegetais ou em peixes. Estes ácidos gordos são divididos em: poliinsaturados e monoinsaturados. Os ácidos graxos insaturados formam 80% do azeite de oliva virgem. Estes ácidos graxos são fundamentais para as nossas funções vitais.

Associações de Hormônios e ácidos Graxos


Há muitos hormônios que são obtidos a partir do colesterol. Os ácidos graxos e o colesterol é transportado no sangue, para isso é “aliança” com os hormônios formando o que se chama associações moleculares ou lipoproteínas.


benefícios-do-azeite-de-oliva

Dentro destas associações a que é de mau colesterol é chamado lipoproteína de baixa densidade LDL e de alta densidade, que é o colesterol bom, é chamado de HDL

O mau colesterol é prejudicial, pois vai assentando nas paredes das artérias, com o que vai rival é o canal no estrecharlas. Isso gera um alto risco de sofrer de doenças cardiovasculares e aterosclerose.


O azeite de oliva, com seu ácido oleico, aumenta o colesterol bom. Permite a eliminação do colesterol ruim, porque o arraste das artérias e o transporta até o fígado, para que este elimine.


2. Suas vitaminas e minerais


O óleo de oliva é rico em vitaminas A, D, e e K. Favorece a absorção de minerais como o cálcio, o fósforo, o magnésio e o zinco. Obrigado a todas as vitaminas e minerais que possui, o azeite de oliva é um excelente alimento para a vista, a pele, os ossos e o sistema imunológico.


3. Benefícios do azeite para a saúde


imagem de garrafas de azeite com azeitonas


1. Como já vimos por sua ação contra o mau colesterol, previjan a aterosclerose e das doenças cardiovasculares: infarto, angina de peito, etc.


2. Evita a acidez gástrica e facilita o trânsito intestinal.


3. Ajuda a controlar o nível de açúcar no sangue (glicose).


4. É um antioxidante muito importante porque tem de polifenóis, uma substância química que têm algumas plantas e que evita a oxidação. ( Lembre-se que muitos alimentos são conservados em frascos de vidro com óleo durante muito tempo).


Assim, ajuda contra o envelhecimento. Em grande parte também pela vitamina E, que tem.


5. Previne doenças degenerativas como o mal de Alzheimer


6. Ajuda a melhorar as funções metabólicas, como já foi visto pelas associações moleculares que forma com os hormônios: lipoproteínas.


7. Estimula a mineralização e a absorção do cálcio, por isso é muito importante tomá-lo na infância, que é quando se formam os ossos e a velhice, porque se perde densidade óssea.


8. É bom para a pele, pois tonifica e exerce um efeito protetor sobre ela.


9. Facilita a digestão em geral e a absorção de nutrientes, incluindo as vitaminas lipossolúveis essenciais que ele contém.


10. . Na medicina popular, o azeite tem sido usado para tudo: para a redução de dores musculares, para evitar a ressaca, como alimento afrodisíaco, como laxante, e até como um sedativo.


Como pode existir alguma razão para não tomá-lo? Mesmo nas dietas é aconselhável em pequenas quantidades. Não nos esqueçamos que é a base fundamental da dieta mediterrânea.


Se quiser mais informações, pode fazê-lo no site da RTVE: Óleo de Oliva.


Lista de itens de série Benefícios do azeite de oliva


Todos os benefícios do azeite de oliva em nossa saúde.


Qual tipo de azeite de oliva eu escolho?


O cosmético mais barato e hidratante, O óleo de oliva


Benefícios do azeite de oliva


Tudo sobre o colesterol


Se quiser saber mais dicas sobre uma boa alimentação e seus benefícios, recomendo que você vá a: Alimentação Saudável


Conheça os Alimentos.

Alimentos Permitidos na Dieta Paleo

Neste artigo você vai encontrar uma lista detalhada de todos os alimentos permitidos na Dieta Paleo. Conhecendo-os você vai poder confeccionar os menus que você mais gosta e que lhe permitam seguir a dieta de forma eficaz. ¡Dê uma olhada!

Uma das melhores coisas é que, dentro dos alimentos permitidos na dieta paleo, você pode comer as quantidades que desejar, sem limitação. O que lhe garante 2 coisas muito importantes para que uma dieta não fracasse:

  • Você não vai passar fome. Você vai se sentir muito satisfeito.
  • É uma dieta saudável, por isso é mais fácil que te enamores dela.

1. A carne de aves de capoeira

A carne de vaca, cordeiro, porco, frango, peru, pato, etc., Sempre é preferível carne de animais criados em pastagens, alimentados de forma orgânica, mas se você não pode obtê-lo, não se preocupe, não é uma razão para não fazer a Dieta Paleo.

2. Os produtos à base de carne (especialmente o fígado)

O fígado é o alimento mais concentrado em nutrientes do planeta! É rico em vitamina A, ferro, possui todos os aminoácidos. O mal é o seu sabor, mas você pode escondê-lo, adicionando pequenas porções de carne moída em outros pratos. Não sentirá o sabor, mas você adquirirá todos os seus nutrientes.
Outros alimentos permitidos na dieta paleo são o coração, os rins, a língua e o cérebro são igualmente bem-vindos.
(Aviso: se você tem um excesso de ferro no corpo não pode comer estes alimentos muito frequentemente).

3. Caldo de osso

Esse caldo deve ser consumido 48 horas no máximo, desde a sua elaboração, para maximizar a obtenção de substâncias e nutrientes úteis que existe no osso. Tem vários aminoácidos, entre eles a glicina, um aminoácido importante na produção das fibras de colágeno.

O colágeno é necessário para a boa manutenção dos tecidos e para que a superfície do trato gastrointestinal, para que se mantenha saudável.

4. Peixe

O peixe recomendado na Dieta Paleo é o peixe gordo como o salmão, a sardinha, a cavala, o arenque e as anchovas. É desejável que sejam capturados em estado selvagem.
Recomenda-Se comer 180 g de peixe três vezes por semana, para obter uma quantidade suficiente de ácidos graxos ômega-3

5. Os ovos

Trata-Se de um dos alimentos permitidos na dieta Paleo fundamental pela sua riqueza em aminoácidos.

6. Vegetais com amido

A batata, a abobrinha e a abóbora, banana e outros. Durante o primeiro mês, é desejável dispensar a batata normal, mas você terá que introduzi-la na dieta pouco a pouco.

7. Vegetais sem amido

Devem-Se comer (cruas e cozidas) a alcachofra, aspargos, beterraba, brócolis, repolho, cenoura, aipo, pimento, pepino, berinjela, alho, cebola, alface, cogumelos, cebolas, pimentão, rabanete, espinafre, tomate.

8. Legumes e frutas fermentadas

O Repolho, beterraba, iogurte de coco, etc., se podem comer. Estes alimentos são ricos em bactérias benéficas.

9. Gorduras tradicionais

O óleo de coco, a manteiga derretida, a banha de porco, gordura de pato, o azeite de oliva (extra virgem de preferência).

10. Azeitonas, abacate, coco (incluindo o leite de coco).

11. Sal marinho e especiarias.

Se quiser conhecer mais em detalhe a dieta paleo, eu recomendo que você leia: dieta Paleo em detalhe.

Além dos alimentos permitidos na Dieta Paleo em Detalhes, você pode ler sobre…

Dieta da Gordura: o que comer e o que evitar

Análise da Dieta Dukan

10 razões para rejeitar a dieta Dukan

Dieta baixa em Hidratos de Carbono

Receitas para emagrecer sem carboidratos

Dieta rica em proteínas: o seguro para a saúde?

Tudo sobre as proteínas

Proteínas para aumentar a massa muscular

Todos os Alimentos e Nutrientes

Todas as dietas em Tudo sobre Dietas.

Para mais dicas para emagrecer acesse: https://oblogdapaty.com/quitoplan-funciona/

Alimentos com iodo: a mais completa lista

Neste artigo, tem os mais importantes alimentos com iodo. Se você chegou até aqui é porque já conhece a importância deste importante oligoelemento, fundamental para que a glândula tireoide está funcionando corretamente. Comer alimentos ricos em iodo assegura que a tireoide será capaz de regular o metabolismo corretamente, entre muitas outras funções.


O iodo é um oligoelemento essencial e está presente nos hormônios da tireoide. Estas hormonas são reguladoras da vida. Viajam através do sangue chegando a todas as células do corpo. São essenciais para o desenvolvimento de todas elas.


A falta de iodo produz sérios problemas: é a causa mais comum de atraso mental em todo o mundo, entre outros problemas de saúde. Por isso a ingestão de iodo através do fornecimento de alimentos é fundamental. Vejamos quais alimentos são ricos em iodo.


Os grupos de alimentos mais ricos em iodo incluem, essencialmente, os frutos do mar, peixe enlatado, as algas marinhas e sal iodado.


Na tabela que você tem abaixo você pode ver em detalhes a quantidade de iodo que têm os alimentos mais ricos deste oligoelemento.


tabela de alimentos com iodo


Batatas


O conteúdo de iodo das plantas e vegetais, depende do meio ambiente e do solo em que se cultivam. No caso das batatas, a maioria dos nutrientes importantes como a fibra, as vitaminas, o potássio e o iodo estão em sua pele. As batatas ao forno são uma ótima fonte de iodo, para que se faça uma idéia: uma batata média fornece cerca de 40% da quantidade diária recomendada de iodo.



  • 1 batata média tem 60 microgramas de iodo e 161 calorias.

Leite


Um dos nutrientes mais importantes que tem o leite é o iodo (com exceção da vitamina D). Com apenas 20 cl de leite (uma xícara) já pode obter em torno de 28% da dose diária necessária.



  • Um copo de leite contém 40 microgramas de iodo e 130 calorias

Algas


Um dos alimentos com iodo mais importantes são as algas secas (muito em moda na cozinha moderna) são uma das fontes de iodo mais extraordinárias. 7 gramas de algas secas fornecem o 4,500 microgramas de iodo.! o que representa um 3000% da dose diária recomendada.



  • Uma porção de 7 gramas de algas tem 4.500 microgramas de iodo e 18 calorias.

Bacalhau


Este extraordinário peixe é um exemplo de fonte rica em iodo, como outros peixes, como o atum. Também é uma importante fonte de proteínas, cálcio, magnésio, potássio e vitamina E. Uma única porção de bacalhau já contém 66% da quantidade recomendada por dia.



  • Uma porção de 100 gramas de bacalhau tem 99 microgramas de iodo e 89 calorias.

Atum em conserva


Outro dos alimentos com iodo mais nutritivos é o atum. especialmente se esta em conserva. O atum que é enlatado em óleo contém, em geral, mais iodo do que a conserva em água. Além de incluir outros nutrientes importantes como proteínas, vitamina D e ferro. 100 gramas de atum em óleo, proporciona um 11% da dose diária recomendada.



  • 100 gramas de atum em óleo, tem 10 microgramas de iodo e 99 calorias

Sal Iodado


O iodo se confunde frequentemente com sal, mas são minerais diferentes. O que geralmente acontece é que muitas marcas de sal da fortalecem com o iodo. Desta forma um único grama de sal iodado fornece 51% da dose diária recomendada.



  • 1 grama de sal iodado tem 77 microgramas de iodo e 0 calorias.

Eu recomendo que você leia: Alimentos com sal escondido que são uma armadilha


Frutos do mar


O marisco é uma excelente fonte de iodo, como já comentado. A partir das ostras até o camarão a quantidade de iodo varia de 160 microgramas (ostras) a 35 microgramas (camarão).


Sal do Himalaia


Se não quiser incluir no sal em sua alimentação você pode obter uma boa fonte de iodo do sal de vidro do Himalaia, muito mais saudável que o sal de mesa.Apenas meio grama de sal do Himalaia te fornece 150% da quantidade diária recomendada.



  • Meio grama de sal de vidro do Himalaia fornece 250 microgramas de yodoy tem 0 calorias.

Iogurte


O iogurte é um excelente alimento com um elevado teor em cálcio e em proteínas. Um copo de iogurte natural fornece 30% do valor diário recomendado de iodo.



  • 100 gramas de iogurte fornece 20 microgramas de iodo e 154 calorias

Suplemento de iodo para grávidas


As mulheres grávidas e lactantes podem exigir um suplementos de iodo, mas deve ser recomendado pelo médico.


Além de Alimentos com iodo pode te interessar…


Dieta para o hipotireoidismo


Dieta para homens mais velhos


Alimentos que curam


Os super alimentos


Dieta e Saúde


Os alimentos e o bem-estar


Os minerais dos alimentos


Tipos de Alimentos e seus benefícios na saúde


Alimentação saudável


Remédios naturais para sua Saúde


Conheça os Alimentos

8 Benefícios do abacate que te surpreenderão

Os benefícios do abacate para a saúde são muitos. É muito provável que você conheça o seu alto valor em gorduras mono-insaturadas (gorduras boas), mas há muitas outras razões que o tornam em um super alimento. Continue lendo e conheça os efeitos do abacate em nosso corpo. Você vai se surpreender.


Apesar de ser considerado um fruto e não um legume, é contrário a ela, em que o abacate não tem praticamente hidratos de carbono, e os que tem são fundamentalmente fibra. Os abacates são excepcionalmente ricos em gorduras monoinsaturadas, que se queimam com facilidade e não se acumulam no nosso corpo.


Mas não são os únicos valores. Conhecem-Se mais de 25 benefícios do abacate: a sua fibra, suas boas gorduras, vitamina K, ácido fólico e o pantoténico (vitamina B5), vitamina B6, a, C, E, a enorme quantidade de potássio que contém, e o resto de minerais fazem com que seja considerado um super alimento.


Vejamos agora quais os benefícios para a nossa saúde tem todos os seus nutrientes.


8 Benefícios do abacate para a saúde


1. É uma fruta muito nutritiva


Os supér alimentos como abacate são aqueles que nos fornecem quantidades significativas de nutrientes essenciais, vitaminas e minerais, contribuindo com relativamente poucas calorias. Em 30 gramas de abacate podemos encontrar mais de 20 vitaminas e minerais E apenas 50 calorias!. Esta é uma das razões pelas quais se inclui o seu consumo em muitas dietas.


Benefícios do abacate


Os abacates, atuam, também, como um “reforço de outros nutrientes”, pois ajudam a aumentar a absorção de algumas vitaminas lipossolúveis, como as vitaminas A, D, K e E.


Veja todos os nutrientes que você pode encontrar em 100 gramas de abacate.


Conteúdo nutricional do abacate (x100grs):



  • 160 calorias

  • Água 73%

  • Proteínas 2 grs

  • Carboidratos 8,5 gramas (dos quais 6,7 são fibra)

  • Gorduras 14,7 grs (das quais 9,8 gramas são monoinsaturadas)

  • Omega 3 0,11 grs

  • Omega 6 1,69 grs

Conteúdo em minerais e vitaminas:


  • 20% de folato

  • 14% de potássio

  • 17% de vitamina C

  • 14% de vitamina C5

  • 3% de vitamina C6.

  • Além disso, contém magnésio, fósforo, zinco, cobre e ferro.

2. O abacate aumenta a pressão arterial


O abacate contém mais potássio que a banana, o que se vincula com a redução da pressão arterial e, portanto, com a prevenção de riscos diante de ataques cardíacos, insuficiência renal ou acidentes cardiovasculares.


Os abacates são muito ricos em potássio, mais até mesmo do que a banana. O potássio é um mineral, um eletrólito que ajuda a aliviar os sinais elétricos e a manter o corpo hidratado para que os músculos, nervos e tendões, possam funcionar perfeitamente. Desta forma, reduz a pressão sobre as artérias.


3. O abacate é rico em gorduras saudáveis e protege o coração


Seu alto teor em ácidos gordos monoinsaturados (mais de 75% de sua gordura é insaturada) torna-se um aliado saudável para o nosso coração.A maioria desses ácidos graxos são ácidos oleico, como a que podemos encontrar no azeite de oliva, rico em Omega-3.


Deve-se distinguir as gorduras boas das más. No caso das gorduras mono e poli-insaturadas, quando consumidos com moderação, e em vez de gorduras saturadas ou gorduras trans (gorduras más, malísimas), podem ajudar a reduzir os níveis de colesterol no sangue e a diminuir o risco de doenças coronárias.


Essas gorduras boas são também essenciais para a absorção de outros nutrientes, como as vitaminas lipossolúveis, que precisam ser dissolvidas em gordura para poder asimilarlas. Desta forma, se você adicionar 1 abacate à sua salada, você obtém todos os seus nutrientes e facilita a absorção do resto dos alimentos que o acompanham.


4. A vitamina a melhora a saúde digestiva, graças ao seu alto conteúdo em fibra


A fibra é essencial para a saúde digestiva. Ajuda-Nos a remover os resíduos dos alimentos já processados. Contribui para a perda de peso e para a redução do nível de açúcar no sangue.


Uma parte significativa (cerca de 25%) da fibra do abacate é, além disso, solúvel.Trata-Se do tipo de fibra que alimenta a flora intestinal (as bactérias que vivem no nosso intestino e que nos fornecem muitos benefícios). Desta forma, temos boas digestões.


5. O abacate ajuda a reduzir os níveis de colesterol


Precisamente, graças às suas gorduras boas, um dos benefícios do abacate, o mais importante é que pode-se baixar os níveis de colesterol.


De acordo com vários estudos, pode reduzir em até 20% dos triglicerídeos no sangue, 22% do colesterol “ruim” (LDL) e aumentar em 11% o “bom” (HDL). Isso sim, sustituyes as gorduras ruins. Se não, o seu efeito é muito mais limitado.


6. O abacate é um forte aliado contra o câncer


De acordo com muitos estudos, o abacate inibe o crescimento das células cancerígenas em diferentes tipos de cancro (câncer de próstata, leucemina, etc.), assim como ajudar a diminuir os efeitos secundários da quimioterapia.


Parece que um dos ingredientes do abacate é o principal responsável na luta contra o câncer: o avocatin B. Além disso, os abacates são ricos em carotenoides , que combatem o câncer, protegem de doenças cardíacas e da degeneração macular.


Os carotenóides são encontrados principalmente na parte de cor verde escuro da carne do abacate, perto da casca.


7. O abacate é bom para a vista


Graças às suas vitaminas C e e, a luteína e a zeaxantina, o abacate tem um importante poder antioxidante. Estes nutrientes favorecem a redução de contrair catarata e a degeneração da mácula, tão comum em idosos.


Além disso, o abacate é bom hidratar os olhos e fortalece o nervo óptico. Você pode conhecer outros alimentos bons para a saúde ocular em: Alimentos bons para a vista


8. O abacate ajuda a perder peso


E, finalmente, um dos benefícios que mais tratamos neste blog: alimentos que ajudam a emagrecer.


No caso do abacate isso é possível graças a uma série de ações indiretas como:



  • Influencia na sensação de saciedade e, portanto, diminui a ansiedade e a sensação de fome.

  • Como disse antes, contém fibras e é baixo em hidratos de carbono, dois aspectos básicos para promover a perda de peso.

  • É uma fruta muito fácil de incorporar a uma dieta. Graças ao seu sabor e textura é muito agradável, já que pode-se misturar facilmente com outros alimentos. É ideal para saladas, batidos por sua cremosidade.

Resumo sobre os benefícios do abacate



  1. Os abacates são um super alimento: Ricos em nutrientes, muitos deles difíceis de encontrar em nossa dieta habitual.

  2. São um aliado importante para a saúde de nosso coração, para aumentar a fluidez do sangue e para a prevenção da diabetes.

  3. Ajudam a reduzir o nível de colesterol “ruim e aumentar o “bom”.

  4. Colaboram em qualquer dieta para a perda de peso

Além dos Benefícios do Abacate, ler…


Propriedades da melancia


Propriedades da maçã


Que rica morango!


Abacaxi: diurética, laxante e deliciosa


Propriedades do kiwi


Benefícios da laranja


A banana, o rei da fruta, acalma os nervos e a ansiedade


As frutas e seus benefícios na saúde


Se quiser saber mais dicas sobre uma boa alimentação e seus benefícios, eu recomendo que você passe por: Alimentação Saudável.


Conheça os alimentos.


Todos os conselhos, Dicas de Saúde

7 Benefícios do Vinagre de Maçã: Nem você imagina

Os benefícios do vinagre de maçã são conhecidos desde a antiguidade. A grande maioria tem uma base científica. Por exemplo, sabe-se que o vinagre de cidra de maçã ajuda a emagrecer, melhora o estado da pele e ajuda a manter o colesterol. Continue lendo para conhecer as razões por que você deve ter na sua despensa.


Os benefícios do vinagre de maçã (também chamado de cidra de maçã) incluem tudo, desde a remover a caspa até aliviar os sintomas do resfriado.


É usado como um remédio natural para curar muitos problemas de saúde: problemas cardíacos, colesterol alto e problemas de peso.


O vinagre de maçã ajuda a perder peso


A razão por que o vinagre de maçã ajuda a emagrecer é porque contém ácido acético. Este ácido consegue:



  • Suprimir o apetite

  • Aumenta o metabolismo

  • Reduz a retenção de água

Além disso, sabe-se que o vinagre de cidra de maçã interfere com a digestão do amido, restringindo que este passe para a corrente sanguínea e aumentar o índice glicêmico.


Eu recomendo que você leia: Alimentos que ajudam a perder peso


O Vinagre de maçã rege o índice glicêmico


foto de maçãs junto a uma garrafa de vinagre, benefícios do vinagre de maçã


Um dos benefícios do vinagre de maçã mais importantes. As pessoas com diabetes tipo 2 ou pré-diabetes têm um nível elevado de açúcar no sangue, seja porque desenvolvem resistência à insulina, ou porque não podem produzir insulina.


A forma mais eficaz de manter os níveis de açúcar no sangue estáveis é avitando os carboidratos refinados, mas o vinagre de maçã também pode ter um poderoso efeito.


O vinagre melhora a sensibilidade à insulina e reduz significativamente o nível de glicose no sangue. Por exemplo, consegue reduzir o açúcar no sangue em 34% ao comer 50 gramas de pão branco. 2 colheres de sopa de vinagre de cidra de maçã antes de dormir pode reduzir os níveis de açúcar no sangue em jejum de 4%.


O vinagre de cidra de maçã pode diminuir o colesterol


Não o afirmo com esfericidade porque ainda são necessários mais estudos que o comprovem, embora alguns estudos realizados em ratos, que se concluíram que o ácido acético do vinagre ajuda a reduzir o colesterol ruim.


O vinagre de maçã ajuda para problemas de estômago


Se você tem inchaço ou dor de estômago, dê uma colher de sopa de vinagre de maçã em um copo de água e você vai ver como melhorias.


Se você tem problemas intestinais e/ou estômago motivado por uma infecção bacteriana, o vinagre de maçã ajuda a superá-los, devido às suas propriedades antibióticas. Além disso, pode ajudar a acalmar os espasmos intestinais obrigado a lhe pecticina, um tipo de fibra presente na maçã.


O vinagre de maçã ajuda a melhorar o estado da pele


É usado como um tratamento para a pele, por suas propriedades para tratar a acne e o couro cabeludo. Suas propriedades antibacterianas ajudam a manter a acne sob controle e os ácidos láctico e málico, que se encontram no vinagre de cidra de maçã amolecer e esfoliam a pele, reduz manchas vermelhas e equilibram o pH da sua pele.


No caso de padecer de caspa, a acidez do vinagre de cidra de maçã altera o pH do seu couro cabeludo. Como? Aqui você tem um truque:


Misture 1/4 de copo de vinagre de cidra de maçã com 1/4 de xícara de água em uma garrafa de spray e aplique sobre o couro cabeludo.Em seguida envolve a cabeça em uma toalha e deixe-a repousar durante uma hora. Lave o seu cabelo depois. Se você fizer isso 2 vezes por semana, você vai notar os resultados.


O vinagre de cidra alivia os sintomas do constipado


Este é um dos benefícios do vinagre de maçã menos conhecido. É usado tanto para a dor de garganta como para o congestionamento do nariz. É importante tomar nada mais os sintomas aparecem. Apenas sentir uma leve dor de garganta, use este vinagre para ajudar cortar a infecção.


O motivo é que a maioria dos germes não podem sobreviver no ambiente ácido que cria o vinagre. Além disso, o potássio, outro de seus nutrientes, dilui o muco.


O vinagre de maçã proporciona energia


Quando estamos cansados, o ácido láctico se acumula no corpo, causando fadiga. Curiosamente, os aminoácidos contidos no vinagre de maçã atuam como um antídoto.


Além disso, o vinagre de cidra de maçã contém potássio e enzimas que podem aliviar a sensação de cansaço.


Como se toma o vinagre de cidra de maçã?


O melhor é tomar 2 colheres de chá de vinagre de maçã em jejum ou meia hora antes de cada refeição. Se você não tem problema para tomá-lo diretamente, para a frente.


Se, pelo contrário, lhe custa um pouco engolir, o melhor é diluir as colheres em um copo de água com um pouco de limão e mel. No caso de que o faça antes das refeições, com 1 colher de sopa é suficiente, se o fizer em jejum, inclui 2 colheres de chá.


Além dos Benefícios do vinagre de maçã pode ler…


Dieta da Maçã, desintoxicante e rápida


Batidos de Maçã deliciosos


Batidos de maçã e frutas do bosque


A alcachofra para emagrecer


Salsinha para Emagrecer


Abacaxi: diurética, laxante e deliciosa.


Remédios para os fungos dos pés


Tudo sobre o cuidado da pele


As frutas e seus benefícios na saúde


Siga os Conselhos de Saúde


Conheça os Alimentos

3 Dietas para Perder 1 quilo em 2 dias

3 Dietas para perder 1 quilo em 2 dias. São voltadas para pessoas que precisa de um “pequeno” ajuste estético e não dispõe de muito tempo.


A todos nos foi passado que se aproxima a data de uma festa e de repente caímos na conta de que, para o melhor, o traje do ano passado, não nos cabe.


Não entremos em pânico, as dietas que te ofereço em seguida oferecem resultados muito eficazes.


Conteúdo do post


3 Dietas para perder 1 quilo em 2 dias


O que você deve saber antes de fazer uma dieta rápida


O objetivo das três dietas que você verá abaixo é perder 1 quilo em dois dias. Por isso:



  1. Trata-Se de dietas restritivas. Não podem ser prorrogados uma vez cumprido o objetivo por seu escasso aporte nutricional.

  2. Para evitar o efeito “rebote” há que tomar a posteriori um plano de alimentação mais completo que inclua todos os elementos nutricionais necessários, exercício e períodos de tempo mais longos.

…e também seguir algumas dicas sobre como comer:



  • Comer lentamente. Saborear os pratos e sabores ajuda a reforçar a sensação de saciedade

  • Todas as dietas compostas de várias tomadas. Não se pular nenhuma. Uma dieta em que não come ou come horas extras é uma dieta que não vai funcionar.

  • Muito bom. Você já deve ter lido em mil sites, que é a refeição mais importante do dia. É. Nos prepara para as tarefas e atividades do dia.

  • Tenha claras as porções. Não comas mais nem menos do que lhe indica. Se você quantidade exceder na comida, é possível que não lhe apetecer jantar, mas se você ficar curta, quase de certeza que vai querer beliscar algo a destiempo.

  • Bebe água. É saciante e colabora para a sensação de estômago cheio.

Ícone Coração Só te peço uma coisa, não as considere uma forma comum de alimentarte. A boa nutrição não é incompatível com o emagrecimento, mas, para que uma dieta seja saudável, é necessário um certo tempo e uma certa disposição.


upload


1. Dieta das peras


Peras, complemento para dietas para perder peso rápido



  • Pequeno-almoço. Café ou chá. Iogurte (desengordurados).

  • Meio-dia. Pegue duas peras, são muito saciantes

  • Comida. Salada com variedade de vegetais (quantidade e variedade a que você quiser) e uma omelete de claras de ovo (proteína e nada de gordura).

  • Lanche. Duas peras ou uma salada de frutas da estação. Você pode acompanhar o café ou chá sem açúcar, mas eu recomendo um copo de suco de laranja (teste de outros tipos, se quiser, como o kiwi ou tangerina)

  • Jantar. Salada verde ou sopa de legumes na quantidade que quiser. Pode usar com uma porção de queijo cottage.

Nestas dietas de 2 dias, deverá encontrar um pouco de estímulo mudando os sabores. Eu recomendo que você compre vários tipos de pera e os alternes para que não seja tão monótono.


upload


2. Dieta láctea



  • Café da manhã: Infusão com leite desnatado, sem açúcar mais torrada de pão integral com uma fatia de queijo, pode ser queijo tipo Philadelphia.

  • Meio da manhã: iogurte sabor.

  • Comida: Filé de peito de frango ou ração de peixe grelhado com uma boa salada de legumes a gosto. De sobremesa um pedaço de fruta.

  • Lanche: um copo de leite (desnatado).

  • Jantar: uma porção de tofu ou omelete de claras acompanhado de salada verde e uma peça de fruta. Você pode substituir o tofu/omelete por uma latita de atum ou alternar, um dia uma coisa e o seguinte a outra (o mesmo na comida).

upload


3. Dieta das cenouras


Cenouras, ajudam nas dietas para perder peso rápido



  • Pequeno-almoço. Café preto sem açúcar, fatia de pão (integral), com mel e suco de frutas.

  • Comida. Um par de cenoura com limão. Chá verde

  • Meio da tarde. Copo de leite desnatado ou chá (preferível chá verde), acompanhado de uma porção de presunto York e outra de queijo (prefira fresco, do tipo Burgos)

  • Jantar. Salada de verdura de folha grande (adicione cogumelos, ovos cozidos e cebola) e uma porção de tofu.

Ícone Coração Se você tem fome, você pode tomar uma cenoura antes de deitar.


Como perder peso de um quilo por dia?


Se, enquanto você faz uma dieta para perder 1 quilo em 2 dias o complementam com uma caminhada suave é muito fácil chegar a perder mais peso. Mas cuidado! não faça exercício forte ou por muito tempo. São dietas que têm muito poucas calorias e pode ter um problema de saúde, se você adicionar exercício.


Vídeo Com a Dieta para Emagrecer 3 quilos em 2 dias


Além das 3 Dietas para perder 1 quilo em 2 diasvocê pode ler sobre…


Na página de Dicas para Emagrecer você tem todas as dicas para emagrecer que são publicadas no blog e que te ajudarão muito no dia-a-dia.


e na página especial sobre Como perder peso você tem toda a informação relativa às dietas: como fazê-las, seus efeitos, dietas para todos, etc., Não se perca!

Dieta Dissociada BEM EXPLICADA: Menus E Tabelas 【2017】

A dieta dissociada caracteriza-se por ser uma dieta que contempla todos os grupos de alimentos possíveis e, portanto, se destaca frente às demais dietas para emagrecer, já que esta não é uma dieta restritiva.

Além disso, a sua realização não apenas está reservado para aquelas pessoas que querem emagrecer e sim para aquelas que querem manter o seu peso e manter em bom estado de seu sistema digestivo, já que a saúde digestiva tem muito que ver com esta dieta, que constitui um verdadeiro e saudável modelo de alimentação.

Tabela de conteúdo

O que é a dieta dissociada?

A dieta dissociada se baseia em uma hipótese fisiológica que nos diz que o nosso aparelho digestivo não está preparado para assimilar adequadamente as gorduras, proteínas e carboidratos quando estes são tomadas em uma mesma refeição.

Portanto, esta dieta não consiste em restringir alimento algum, mas a sua base é não tomar certos alimentos de forma conjunta.

Ao separar adequadamente os diferentes grupos de nutrientes em nosso organismo reage a mobilizar as reservas de gordura para a sua posterior combustão, do mesmo modo também se esgotam as reservas de glicogênio (constituídas através dos hidratos de carbono) e se perde volume corporal em forma de líquidos.

Um dos aspectos mais saudáveis desta dieta é que ele requer um conhecimento que permita distinguir os diferentes grupos de nutrientes, o que nos permite alimentar-nos com um maior grau de consciência.

A tabela de alimentos da dieta dissociada

Como vimos, o pilar da dieta dissociada é não misturar certos grupos de alimentos na mesma refeição, de modo que para seguir esta dieta de forma adequada, é necessário primeiro conhecer quais são os diferentes grupos de nutrientes e alimentos que são permitidos dentro de cada um. Estão indicados na tabela a seguir:

Hidratos de carbono

  • Arroz
  • Trigo e derivados (pão, macarrão…)
  • Milho
  • Legumes
  • Feijão
  • Soja
  • Batata
  • Batata-doce

Gorduras

  • Azeite de oliva
  • Óleo de girassol
  • Abacate
  • Amêndoa
  • Pinhão
  • Pistache
  • Avelãs
  • Nozes
  • Chocolate
  • Tâmaras
  • Passas

Proteínas

  • Carne
  • Peixe
  • Frutos do mar
  • Leite e derivados lácteos
  • Ovos

Frutas

  • Kiwi
  • Limão
  • Laranja
  • Tangerina
  • Abacaxi
  • Uva
  • Melancia
  • Morangos
  • Maçã
  • Banana
  • Tomate
  • Cereja
  • Pera
  • Pêssego

Legumes e produtos hortícolas

  • Alface
  • Escarola
  • Acelga
  • Aipo
  • Alho-porro
  • Brócolis
  • Couve-flor
  • Espargos
  • Espinafre
  • Cogumelos e cogumelos
  • Berinjela
  • Abóbora
  • Pepino
  • Pimenta-do-reino
  • Abobrinha
  • Beterraba

Agora que temos diferenciado claramente os grupos de alimentos, vamos ver como devem ser combinados à dieta dissociada:

  • Não combinar os alimentos gordurosos com proteínas.
  • Não combinar diferentes grupos de carboidratos na mesma refeição.
  • Não combinar hidratos de carbono com proteínas.
  • As verduras e legumes podem ser combinados com qualquer tipo de alimento, exceto com a fruta.
  • A fruta não deve ser tomado com qualquer alimento, mas comer sozinha, a meio da manhã ou a meio da tarde.
  • Não se devem comer proteínas de carne ou hidratos de carbono depois das 19:30 horas.
  • Após o almoço ou o jantar, por não poder tomar frutas, como sobremesa, pode-se tomar chá, infusão ou iogurte bio (com bifidus), este é o único leite permitido como sobremesa.
  • Durante a refeição, não se podem tomar refrigerantes ou suco.
  • Você pode usar as especiarias já que todas elas têm compatibilidade com qualquer alimento.
  • O açúcar e o álcool devem ser removidos completamente da dieta dissociada.

Menu semanal de dieta dissociada

Se há um traço positivo que se deve destacar-se de uma dieta dissociada que não restringe praticamente nenhum alimento, apenas a combinação entre estes, o que é um modelo alimentar que pode facilmente acompanhar, não obstante, no início, pode parecer algo difícil de se familiarizar com as possíveis combinações de alimentos.

Por este motivo a seguir oferecemos um menu semanal e equilibrado de dieta dissociada, para que lhe sirva como fonte de inspiração e lhe permita iniciar esta dieta com maior segurança.

Segunda-feira

  1. Café da manhã: Muesli caseiro com leite. Infusão de chá verde
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Comida: Macarrão com juliana de legumes. Iogurte bio ou infusão
  4. Lanche: 1 peça de fruta
  5. Jantar: Salada verde. Peixe branco cozido. Infusão

Terça-feira

  1. Café da manhã: Pão com azeite de oliva. Café ou chá
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Comida: Frango ao forno com legumes. 1 iogurte bio
  4. Lanche: 1 iogurte bio . 1 infusão
  5. Jantar: ovos Mexidos com vegetais. Infusão

Quarta-feira

  1. Pequeno-almoço: Enchidos variados. Infusão de chá verde
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Comida: Salada de legumes e verduras. 1 iogurte bio. 1 infusão
  4. Lanche: 1 peça de fruta
  5. Jantar: Juliana de legumes ao vapor. Omelete de camarão. 1 infusão

Quinta-feira

  1. Pequeno-almoço: Cereais com iogurte bio. Infusão de chá vermelho
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Comida: Guisado de peru. 1 infusão
  4. Lanche: 1 peça de fruta
  5. Jantar: Salada verde variada. Mexilhões ao vapor. 1 iogurte bio

Sexta-feira

  1. Café da manhã: Queijo sem gordura ou sabor. Iogurte bio. Infusão
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Comida: Macarrão com cogumelos e ervas da provença. 1 iogurte bio
  4. Lanche: 1 peça de fruta
  5. Jantar: Salmão e aspargos verdes para a prensa. 1 infusão

Segunda-feira

  1. Café da manhã: Torradas com azeite. 1 iogurte bio. 1 infusão
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Almoço: Bife grelhado. Legumes assados. 1 infusão
  4. Lanche: 1 peça de fruta
  5. Jantar: Salteado de legumes. Omelete des espargos. 1 infusão

Domingo

  1. Café da manhã: Granola com iogurte caseiro bio. 1 infusão
  2. Meio da manhã: 1 peça de fruta
  3. Comida: Guisado de peru com legumes. 1 iogurte bio
  4. Lanche: 1 peça de fruta
  5. Jantar: Sopa de legumes. Canivetes ao vapor. 1 infusão

É uma dieta que funciona?

Se queremos perder peso, podemos afirmar que a dieta dissociada é uma das melhores dietas para emagrecer sem passar fome ( de fato, há testemunhos que afirmam ter perdido 3/4 kg em 7 dias, 10 dias ou 30 dias ), porque é certo que ao separar os diferentes grupos de nutrientes das refeições que fazemos acabam tendo um menor valor calórico, do mesmo modo, o fato de deixar o açúcar e o álcool também contribui significativamente para a perda de peso.

Não obstante, é por isso que a dieta dissociada funciona, e não tanto porque se separem os diferentes nutrientes. Se vos haveis reparado, o óleo é permitido cozinhar e para acompanhar as torradas do pequeno-almoço, igualmente, quando comemos legumes estamos a ingerir um alimento que fornece hidratos de carbono e proteínas, pelo que é importante reconhecer, que é impossível fazer uma verdadeira dissociação de nutrientes.

Gostaria de saber como tenho passado de 68 a 50 kg sem fazer nenhuma dieta?

Eu tenho que admitir que não sou nutricionista, mas isso não quer dizer que não saiba sobre dietas (como pudeste ler). De fato, eu acho que eu tentei mais dietas que mais de um nutricionista 🙂

Meu maior caso de sucesso foi passar, há muito pouco tempo, de 68 a 50 quilos após empolgue muito. E isso que depois de engravidar mantive bem o tipo e fiz outras dietas que me iam bem.

Tudo foi graças ao Plano Revolucionário, um método que me ensinou a cozinhar e a comer comida de verdade, sem dietas e sem restrições típicas.

Se quiser saber tudo o que fez por mim este plano e a minha história pessoal, convido você a ler. Eu Te ajudará a e motivador para tirar esses quilos a mais!

CLIQUE AQUI PARA LER A MINHA HISTÓRIA

Vídeo com opiniões sobre a dieta dissociada

Para que você possa terminar de limpar qualquer dúvida sobre a dieta dissociada a seguir apresentamos um vídeo que lhe permitirá avaliar se esta é a melhor dieta para você. Apesar disso, lembre-se que nenhum tipo de informação está destinada a substituir um acompanhamento médico personalizado e de qualidade.